About

ClioHost

Criança é encontrada morta com perfurações pelo corpo em Colônia do Gurguéia; Dois suspeitos de terem cometidos o crime bárbaro são presos pela policia

 


Ronysandro foi encontrado morto com uma facada na região do pescoço, o caso aconteceu na cidade de Colônia do Gurguéia. O crime teria ocorrido na tarde desse domingo (13).



As informações ainda são vagas, mas segundo os populares informaram à redação do Portal Gurguéia a criança brincava com um irmão e outros amigos em um campinho de futebol, o pai também estava presente. Segundo a fonte, enquanto brincavam aconteceu um acidente próximo ao local em que as crianças brincavam e logo o pai do menino se deslocou para ver se alguém tinha se machucado, mas ao voltar já não encontrou o filho. As outras crianças viram o momento em que o homem pegou Ronysandro, mas foram ameaçados de também serem mortos caso contassem.


A informante relata que tudo pareceu planejado, desde o acidente até as informações que a família vinha recebendo por meio de ligações. Preocupados e esperando por respostas, a família vinha recebendo ligações de uma mulher que afirmava ter visto a criança em diversos lugares, fazendo-o assim perder mais tempo com as buscas. 


 
“Foi como se fosse tudo planejado, ela ficava ligando como se estivesse despistando, onde ela dizia que ele estava o pai ia atrás procurar.” Informou a popular que preferiu não se identificar. 

A criança foi encontrada na madrugada do domingo (13) com a boca amordaçada e com um golpe de faca no pescoço, havia muito sangue no local e sinais de que a vítima teria tentado escapar.


A cidade está revoltada, e até a postagem dessa matéria o assassino ainda não foi encontrado, a Polícia Civil investiga o caso e a Polícia Militar faz buscas ao suspeito.


 Traremos informações mais concretas no decorrer das investigações.


ATUALIZAÇÃO 14H30


Até o meio-dia de segunda-feira, o corpo do menino continuava no local onde foi encontrado. Os policiais militares estão fazendo o isolamento do local, à espera da chegadas de equipes da Polícia Civil para que seja feita a perícia criminal e que se iniciem as investigações.




Dois homens que foram presos como suspeitos pelo crime porque tiveram desentendimentos com a família do menino recentemente. A Polícia procura ainda um terceiro suspeito, um homem que namora com uma irmã do menino assassinado.


"Eles foram conduzidos por causa de ameaças feitas aos familiares. A irmã da criança é namorada de um dos suspeitos e a motivação vai ser investigada pela Polícia Civil", finalizou.

Os dois homens negaram o crime. Eles continuam presos e devem ser encaminhados para a Delegacia de Canto do Buriti, para prestar depoimento à Polícia Civil.

Por; G1

Postar um comentário

0 Comentários