About

ClioHost

Após ser exonerado do cargo, ex-secretário de juventude de Uruçuí Alyson Guimarães fala sobre sua saída da pasta




Essa semana, após ser exonerado do cargo, o jovem Alyson Guimarães, ex-secretário de Juventude de Uruçuí quebrou o silêncio e falou pela primeira vez e com exclusividade com o Blog sobre sua saída da pasta que comandou por dois anos.

No começo da entrevista, ao ser questionado se ele teria sido pego de surpresa com sua exoneração, Alyson disse que não teve surpresa. E acrescentou que “em política a gente espera de tudo”. O secretário disse que após passar a eleição da câmara já estava preparado para o que poderia vim a acontecer no futuro.

Ao ser questionado sobre o que teria levado a sua exoneração, Alyson disse que não tem um motivo específico, mas vários. Um dos motivos citado pelo secretário a nossa equipe, seria o fato de ele ser do PT e hoje o partido está dividido e ao mesmo tempo rachado em partes com o governo municipal.

Sobre o sucesso no desempenho da pasta, ele disse que apesar de muitos criticarem e até falarem que ao longo destes dois anos, a secretaria de juventude não ter feito nada. Ele acredita que cumpriu seu papel enquanto secretario, pois desenvolveu políticas voltadas para os jovens. Com parcerias com o governo do estado, qualificou jovens através de oficinas, desenvolveu projetos culturais, promoveu o circuito jovem de Uruçuí. 

O secretário não esqueceu dos seus companheiros de formavam junto com ele a secretaria de juventude, agradeceu aos seus colegas de partido de Uruçuí, e as parcerias firmadas entre a secretaria de juventude e o governo do estado.

A respeito de futuro, Alyson disse que “somente a Deus pertence”. Disse que a partir de agora estaria de volta à faculdade, no seu curso de jornalismo.

E ao final da entrevista, ao ser questionado se teria magoa do gestor ou de alguém da administração, Alyson disse que “não tenho tempo para mágoa. Em política não pode ter ranço”.

Postar um comentário

0 Comentários